As mulheres do Sudão. As “guerreiras”

AS MINHAS PESSOAS

 

Ali está, a verde no mapa de África, o Sudão. De Portugal àquele país, assim, vão uns 4555 quilómetros (a linha amarela sai de Portugal e termina no Sudão). A Líbia, o Egipto, a Eritreia, a Etiópia, o Sudão do Sul, o Chad têm fronteiras com o Sudão.

Localização do Sudão
Imagem: Wikipédia (edição Desobrigado)

Do Sudão, muitos homens partiram. Uns foram para a guerra e morreram. Outros emigraram. As mulheres ficaram e tornaram-se mais fortes, apesar de tantas castrações.

 

Em dezembro, o aumento do preço do pão levou as pessoas à rua. A luta evoluiu. A contestação cresceu e Omar al-Bashir, no poder há 30 anos, caiu.

As mulheres, há quem as chame de “guerreiras” têm dado um forte contributo para a mudança do regime. Agora o Conselho Militar governa o país. Mas elas e também eles vigiam.

 

 

 

 

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: