Depois da casa arrombada, trancas à porta? Não. Depois da casa arrombada, porta destrancada

INCAUTOS

 

As campanhas dos partidos políticas passaram por lá. Quem dirige o Agrupamento de Centros de Saúde do Pinhal Litoral (ACeS Pinhal Litoral) podia ter pedido aos candidatos pelo círculo eleitoral de Leiria que promovessem a segurança dos serviços, que estão constantemente na mira dos ladrões. Não lhes ocorreu?

Assaltaram uma vez, assaltaram duas vezes e assaltaram uma terceira, tem sido assim num dos serviços de saúde do ACeS Pinhal Litoral. Estas três vezes aconteceram desde meados do passado mês de setembro, mas os ladrões já se infiltraram lá umas 20 vezes nos últimos três anos.

Vandalizam e também roubam. Arrombam portas, partem janelas, reviram gavetas, levam o dinheiro das máquinas e os equipamentos informáticos. Voltam tantas vezes, o que procuram efetivamente os meliantes?

Ocorreu-me que a proteção dos dados pessoais de utentes e de funcionários das unidades de saúde pode estar em causa. Coloquei as minhas dúvidas àquele ACeS .  Ainda não obtive resposta, mas sei que ela vai chegar.

Perguntei, também, se existe alguma espécie de segurança. Já tive uma resposta. Pagam a uma empresa que faz a ronda duas vezes por noite, mas tem andado desencontrada dos ladrões.

Imagem: Nuno Fernando Veiga (CM)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: